IV CAMINHADA URI GOIÁS: CONTRA A INTOLERÂNCIA RELIGIOSA

IV CAMINHADA URI GOIÁS: CONTRA A INTOLERÂNCIA RELIGIOSA

 

Como iniciativa de um coletivo de lideranças religiosas e como ação da URI – United Religions Iniciative, for Latin America and the Caribbean – que atua a partir do estado de Goiás e Região, tivemos um ato público de enfrentamento a intolerância religiosa e pela paz na cidade de Goiânia. A ação teve o objetivo de marcar o dia 21 de janeiro que foi criado como Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa. Esse dia foi afirmado através da Lei nº 11.635, de 27 de dezembro de 2007, e sancionada pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Dessa maneira o Estado reconhecia a existência dos problemas resultantes da intolerância religiosa que existe em nosso país.

Coordenado pela Yalorixá Marileia de Osumare, responsável pelo terreiro Asé Dan Fé Èrò na cidade de Goiânia, o ato contou com a presença de várias lideranças religiosas de comunidades tradicionais de terreiros – Umbanda e Candomblé – de outras vivências religiosas.

A concentração começou a partir das 9h da manhã, Parque Areião Bambuzal. Em seguida as pessoas presentes saíram em caminhada com faixas e cartazes se posicionando em defesa do direito aos diversos cultos e as diversidades religiosas.

Segundo a Yalorixá Marileia é importante reconhecer e identificar a intolerância religiosa que ocorre mundialmente. Dessa maneira, o ato é uma forma de realizar uma ação pacífica para expressar que não concordamos com a intolerância. E dessa maneira enfrentamos as intolerâncias praticadas a partir dos espaços de vivências religiosas. E que chegam até os espaços públicos de nossas convivências comuns. Ou seja, nos espaços públicos de nossas cidades nas ruas, praças de nossos barros. A Yalorixá indica que o melhor método de enfrentar o tema é promovendo encontros inter-religiosos, círculos comuns para partilhar a vida e indicar métodos de enfrentamento as intolerâncias religiosas. A Yalorixá disse ainda que “a importância da presença da Igreja Anglicana participar do ato é para afirmar a essência inter-religiosa do coletivo”.

Izaías Torquato, reverendo diácono responsável pela Paróquia São Felipe, na cidade de Goiânia – GO, veio ao longo do ano de 2018 participando de vários coletivos inter-religiosos e ecumênicos na cidade e no estado. Para ele, sempre na perspectiva de fortalecer o caráter teologal de nossa Igreja, quando a mesma não se comporta de maneira proselitista. Assim é imprescindível participar no fortalecimento do diálogo e da escuta das experiências de fé e espiritualidades diferentes da cristã. Disse ainda: “O Espírito – a Ruah Divina –, não pergunta a nenhuma pessoa qual a fé professa para poder preencher de vida o corpo humano que é fruto da misericórdia de Deus. Antes, passeia entre e intra corpore – em cada qual de nós –, sem discriminação nem preconceito. Essa é a maior prova de que a Divindade que professamos e devotamos nossa fé e vida se manifesta de múltiplas formas e em todas as culturas”.

No momento sociopolítico que o Brasil está vivendo, de ameaça aos povos de comunidades tradicionais – povos de terreiros, de tradições africanas e Indígenas – e os mais variados grupos sociais brasileiras que vivem condições de vulnerabilidades e riscos, é um ato profético se posicionar ao lado de quem sofre perseguição e discriminação religiosa. Os povos quilombolas, as comunidades primárias brasileiras, as populações LGBTQI+ e outras comunidades estão vivendo debaixo de ameaça e medo.

Dessa maneira, a Diocese Anglicana de Brasília apoia atos como esses e confirma sua natureza missionária e pastoral de apoio as diversidades religiosas e humanas. Estamos ao lado de quem sofre e servimos com amor e afeto a todas as pessoas. Porque “o perfeito amor lança fora todo medo” (1Jo 4,18).

 

Serviços:

Casa Asé Dan Fé Èrò

Rua Y, n°36 Vila Santa Isabel

Yalorixá Marileia de Osumare

Contato: 062 981608680

Paróquia Anglicana São Felipe

Rua Afonso Pena, 11, Qd 22 Lts 10-12, Esquina com a Rua Carlos Gomes, final da T-63,

Parque Anhanguera, 74.340-050

Izaías Torquato, reverendo responsável

Contato: 062 992322157

 

Apoio:

Apoio Movimento Agô, Ser Atento e Igreja Episcopal Anglicana do Brasil – Diocese Anglicana de Brasília.

 

Skills

Posted on

22 de janeiro de 2019